09/10 – Sábado – XXVII semana comum

Reflexão Pessoal – Gálatas 3, 22-29 – “pela Graça e não pela Lei”

São Paulo continua nos exortando e nos direcionando a abraçarmos a Fé em Jesus Cristo! Antes de Jesus, a Escritura, como um professor, nos ensinava a cumprir a lei com o objetivo de nos capacitar e nos conduzir até Cristo, para que depois fôssemos justificados pela fé. A Lei de Deus foi claramente revelada por Jesus através do Novo Mandamento: o amor a Deus e ao próximo. Jesus veio inaugurar o regime da fé, portanto não estamos na dependência da Lei, mas da graça do Pai por causa do Filho. Assim sendo, Ele cumpriu a Nova Lei do amor: deu a vida por todos nós. Assim sendo, nós todos que fomos batizados em Cristo, somos filhos de Deus e com Jesus Cristo somos um. Somos herdeiros da promessa de Deus a Abraão e recebemos a graça generosa do Pai por causa do Filho, no Espírito Santo. – E você: vive mais no cumprimento da lei antiga ou da Lei a qual Jesus veio revelar? – Você se sente um (a) com Cristo? – Você já se apossou da herança do Pai que é o Espírito Santo agindo em você por amor? – Você tem usado a sua herança nos seus relacionamentos do dia a dia?                                       

Salmo 104 – “ O Senhor se lembra sempre da aliança” 

 

O salmo continua hoje nos afirmando que o Senhor não se esquece da aliança que faz conosco, portanto nos manda cantar e entoar salmos e publicar todas as suas maravilhas. Manda-nos buscar a face do Senhor! A face do Senhor nós a encontramos quando nós contemplamos os Seus prodígios na nossa vida e acolhemos a Sua Palavra que nos direciona a vivermos o amor recíproco, o amor que Jesus Cristo nos ensinou.

Evangelho – Lucas 11, 27-28 – “Maria, uma mulher feliz”

Felizes são aqueles que ouvem a palavra de Deus e a põem em prática,”  falou  Jesus Cristo em resposta à mulher que enalteceu a figura da Sua Mãe. Portanto, podemos dizer que Maria foi feliz, pois ouviu a Palavra do Pai e em tudo fez a Sua vontade.    Por isso, ela é considerada a primeira discípula do próprio Filho e “modelo da Igreja na ordem da fé, da caridade e da união perfeita com Cristo”.  (LG 63) Seguimos o exemplo de Maria aqui na terra quando ouvimos a palavra de Deus e a pomos em prática no dia a dia da nossa vida, quando perseguimos a vontade de Deus, quando nos ajustamos ao Seu Plano de Salvação, quando temos Jesus Cristo como Senhor da nossa vida e nos rendemos às moções do Seu Espírito Santo. Dessa forma, também podemos, não somente anunciar, mas provar com o nosso testemunho que somos felizes e cheios da graça de Deus. Ser bem aventurado é o mesmo que ser feliz! Maria foi bem aventurada, portanto, Maria é exemplo também da mulher feliz.   – Você também é feliz como Maria? – Qual a influência que a palavra de Deus tem exercido na sua vida? – Você também se sente cheio (a) do Espírito Santo?

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: