Maria no Céu – Promessa de Deus pra nós.

Maria no Céu – Promessa de Deus pra nós.

Maria no Céu

Promessa de Deus para nós

Nós, como Igreja Católica, celebramos, solenemente, no dia 15 de agosto, a verdade inquestionável da Assunção de Nossa Senhora. O dogma da Assunção da Virgem Maria foi proclamado pelo Papa Pio XII no dia 1º de novembro de 1950, por meio da Constituição Apostólica Munificentissimus Deus. “A Imaculada sempre Virgem Maria, Mãe de Deus, concluída sua vida terrena, foi assunta ao céu na glória celeste em corpo e alma”, afirma o documento. Fica claro para nós, assim, que Nossa Senhora já se encontra vivendo as alegrias celestes, precedendo o que nos é prometido após o fim dos tempos.

Ainda que concebida sem pecado original, Maria foi sempre livre para fazer a sua opção por Deus diante de cada desafio, desde a Anunciação até o Pentecostes, quando, reunida com os Apóstolos no Cenáculo, aceitou a missão de ser Mãe da Igreja. Nossa Senhora se uniu de tal modo a Deus que, terminado o curso da sua vida terrena, foi totalmente atraída para a felicidade do Céu. Hoje, o seu sim irreversível ecoa na eternidade.

“Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra”. (Lc 1, 38)

Apesar de concebida sem pecado, Nossa Senhora era uma criatura, como todos nós. Ela poderia ter optado por outro caminho que não o de Deus, por ter sido criada livre. Mas, a cada decisão, buscava o Alto. Toda a vida de Maria foi uma escolha pelo Céu.

E nós, que recebemos de Deus a graça do Batismo e da Eucaristia, estamos escolhendo o Céu todos os dias? A cada ato, somos chamados a viver os valores do Evangelho, seja na convivência com a família e os amigos, no dia-a-dia dos estudos e do trabalho, nos momentos de lazer ou na vida em comunidade. Seguindo os passos da Mãe de Jesus, ou seja, crescendo no nosso sim a Deus, dia após dia, podemos chegar também aos júbilos eternos prometidos pelo Senhor àqueles que perseverarem até o fim na Sua vontade.

“Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas em acréscimo”. (Mt 6, 33)

Ir ao Céu não é uma missão qualquer; é uma decisão definitiva que deve iluminar todo o nosso caminho. Com ânimo, somos chamados a lembrar que a vida eterna não consiste em um sonho distante, mas em uma promessa de Deus para nós e essa é a única certeza que precisamos ter. Que seguindo o exemplo de Maria e rogando sua intercessão, caminhemos com os olhos fixos na nossa meta: a felicidade da comunhão plena com a Trindade Santa.

Isabel Bessa

Ministério de Comunicação

3 Comments

  1. Belzinha, que texto lindo!!! :)
    Amei… Vou compartilhar! =]]]

    Reply
    • Belzinha,ainda não tinha tido oportunidade de ler seu texto, fiquei tão feliz! Queria parabenizá-la pela sua abertura ao Espírito Santo e seu crescimento espiritual, pois só alguém com muita intimidade com o Espírito para escrever algo tão unjido!
      Que Maria a nos inspire a renovar nosso sim a cada dia!
      Obrigada por me dar forças para renovar o meu sim hoje.

      Reply
  2. continue sempre assim no mundo em que estamo vivendo vc e muito importante. para muitos que precisam ouvir uma palavra assim,cheia do espirito santo.obg.

    Reply

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: